Didático

Métodos de diagnóstico Ausculta, dor, pergunta (parte 2/3)

Olá, dando continuidade ao tema, sobre os principais métodos usados na Medicina Tradicional Chinesa, vamos para a segunda parte, não é pouca coisa por isso decidi dividi-lo em três partes, para que não ficasse aquele post imenso e cheio de informação, isso acaba tirando a atenção e até mesmo cansando as vistas. Caso não tenha visto ainda a primeira parte, pode procurar porque está bem interessante e é bom para que você não se perca. Qualquer dúvida pode entrar em contato por e-mail ou através das redes sociais.

AuscultationAUSCULTAÇÃO E OLFAÇÃO

Auscultação

  • A fala – Geralmente a voz baixa e fraca indica síndrome de tipo xu, já a voz alta indica síndrome de tipo shi. O delírio significa nebulosidade do coração por fleuma-calor. Quando há murmúrio consigo mesmo ou a fala prolixa significam desordem da mente. Dificuldade em falar pode ser obstrução dos meridianos e colaterais por vento-fleuma.
  • A respiração – A respiração fraca acompanhada por transpiração e dispneia depois de um esforço rápido geralmente indica debilidade de qi do coração e dos pulmões. A respiração ruidosa acompanhada por asma e fleumas indica síndromes de fleuma-calor ou fleuma-umidade nos pulmões e pertence ao tipo shi.
  • A tosse – A tosse com ronco indica que houve invasão nos pulmões pelo vento-frio ou houve acumulação de frio-fleuma nos pulmões, uma tosse com voz clara e forte indica a invasão nos pulmões pelo vento-calor. Uma tosse seca com pouco expectoração é causa frequente quando os pulmões foram invadidos pela secura patógena ou xu (deficiência) prolongada de yin do pulmão.

Olfação

Se trata de sentir o cheio dos diversos tipos de secreções e excreções corporais. O odor fétido denota síndromes de calor do tipo shi, por outro lado o odor insípido pode nos trazer síndromes de frio do tipo xu. Por exemplo:

  • A expectoração(secreção nasal) com cheiro nauseante indica fleuma-calor nos pulmões, enquanto a expectoração diluída, clara e inodora indica fleuma-frio nos pulmões.
  • A urina amarela escura e escassa com cheiro nauseante indica umidade-calor na bexiga, enquanto a urina clara e profusa inodora indica frio na bexiga e pertence ao tipo xu.
  • O hálito fétido indica calor no estômago.

doctor-question-markPERGUNTAS (Interrogatório)

O interrogatório significa perguntar ao paciente ou acompanhante sobre a enfermidade com o propósito de conhecer o processo patológico.
Antes de tudo, temos que escutar a queixa principal do paciente, geralmente é a dor que ele sente no momento e lembrando que dor é um sinal/sintoma, e perguntando sobre o tempo de início e a duração da enfermidade e sua história passada. Baseado nesse principio faz-se uma interrogação sistemática do ponto de vista que o corpo humano é um todo integral e de acordo com a necessidade de diferenciação das síndrome. Deve-se perguntar também sobre os efeitos de tratamentos e medicamentos usados anteriormente.

woman-coldSOBRE O FRIO E O CALOR

Devemos perguntar também ao paciente se costuma ter febre ou calafrios. A febre e os calafrios ocorrem ao mesmo tempo quando a parte superficial do corpo é invadida por fatores patógenos exógenos. Se é invadido pelo vento-frio, o paciente mostra aversão ao frio, si for invadido por vento-calor, o paciente sente calor excessivo.
Se o paciente só tem calafrios sem febre, isso se deve a deficiência e debilidade de yang e frio que vem do interior do corpo. E isto também ocorre quando o frio patógeno exógeno afeta diretamente a certos órgãos internos. Nesses casos, a manifestação de frio é observada na área afetada, tais como a sensação de frio ou dor na região epigástrica e diarreia com alimento não digerido.
Às vezes, o paciente tem febre  sem calafrios. Uma febre elevada e constante indicia excesso de calor no interior, devido a invasão pelo calor patógeno exógeno ou pela chegada dos fatores patógenos exógenos do exterior para o interior (de fora para dentro). Quando a febre aumenta e baixa em horas determinadas como a maré e em geral sobe pela tarde se chama de febre vespertina, ocorre pelo calor endógeno causado por xu (deficiência) de yin. O paciente pode ter uma sensação febril que se transmite do interior do corpo para a superfície (de dentro para fora), nesse caso se chama “febre de origem óssea”.

Caso a febre e os calafrios se alternem, uma vez por dia por dois ou três dias, possivelmente se trata de malária.

PerspirationSOBRE A TRANSPIRAÇÃO

Quando a parte superficial do corpo é invadida por fatores patógenos exógenos, o suor significa a invasão pelo vento-calor, a ausência de suor indica invasão pelo vento-frio.
A transpiração frequente e exacerbada devido a exercícios físicos rápidos se chama transpiração espontânea.  Geralmente é por conta da debilidade de yang e falta de firmeza dos fatores defensivos.
Se chama respiração noturna o fenômeno que acontece quando você está dormindo, mas não consegue acordar. Isto ocorre por deficiência de yin e hiperatividade de yang e excesso de calor.
O suor frio e profuso durante uma enfermidade grave é um sintoma crítico de colapso yang.

masque-iniciativas-alimentos-y-bebidasSOBRE O ALIMENTO E AS BEBIDAS, O APETITE E O GOSTO

Ter sede e desejo de tomar líquidos é síndrome de calor interior, entretanto não ter sede ou tê-la, mas sem desejo de tomar líquidos, indica frio-umidade. O gosto por alimentos e bebidas quentes significa síndrome de frio e o contrário, calor. Mau apetite sem gosto na boca e saciedade na região epigástrica e abdominal indicam debilidade de baço e estomago. Arroto fétido, regurgitação ácida e repugnância a alimentos depois de comer muito indica retenção de alimento. O gosto doce e pegajoso na boca é sintoma de umidade-calor no baço, enquanto a boca amarga significa hiperatividade do fogo do fígado e da vesícula biliar.

sistema-urinario-feminino-foto-s-k-chavanshutterstockcom-000000000001679FSOBRE A URINA E AS FEZES

A constipação indica calor nos intestinos no qual tem relação com uma síndrome do tipo shi. No caso de constipação em idosos, puerpério ou depois de uma enfermidade prolongada, isto indica uma síndrome de tipo xu devido ao xu de qi e insuficiência de líquidos corporais. Às fezes com sangue e pus ou tenesmos são causados principalmente por umidade-calor nos intestinos. Fezes brancas, com alimentos sem digerir significam debilidade xu e frio do baço e do estomago. A diarreia constante na madrugada ocorre devido ao xu de yang do baço e do rim.
Uma urina amarela escura geralmente significa calor do tipo shi, porém a urina clara e profusa indica frio do tipo xu. A urina frequente (poliúria), escassa em quantidade e de cor amarela intensa, indica acumulo de umidade-calor no rim e na bexiga, uma urina frequente e clara indica xu e frio do rim e da bexiga. A retenção urinária ou urinar com dificuldade (disúria) ocorre de forma frequente a acumulação umidade-calor na bexiga, a insuficiência de yang do rim, a existência de cálculos ou o estagnação de sangue. Uma urina escassa ocorre devido a xu do baço e rim e a retenção de líquidos corporais.

dorSOBRE A DOR

A dor que aumenta na pressão pertence ao tipo shi e é causado pela invasão de fatores patógenos exógenos, pela obstrução de meridianos e colaterais, a estagnação de qi e xue, parasitas intestinais, a retenção de alimentos ou a obstrução por fleuma. A dor que se alivia na pressão pertence ao tipo xu, em geral ocorre devido à má nutrição dos tendões e meridianos por insuficiência de qi e xue e perda da essência yin. A dor que se alivia com o calor indica que foi causada pelo frio e a dor que se alivia pelo frio indica que sua origem é o calor. Uma dor migratória se deve a invasão dos meridianos e colaterais pelo vento patógeno, uma dor fixa se deve a obstrução de meridianos e colaterais por frio-umidade.
A dor de cabeça é uma enfermidade aguda e é causada por fatores patógenos exógenos. A cefaleia persistente e recorrente em uma enfermidade crônica ocorre pela estagnação de xue ou pela perturbação da fleuma que sobe. Uma sensação de ter a cabeça vazia, sem dor, acompanhada por paroxística escura ante os olhos e visão borrada, se deve a insuficiência de qi e xue e a perda da essência de yin.
Podemos classificar as cefalalgias de acordo com a distribuição dos meridianos sobre a cabeça. Por exemplo, a dor no occipício pertence ao canal taiyang, a enxaqueca ao canal shaoyang, a dor frontal e supraorbital ao canal yangming e a cefaleia de vértice pertence ao canal jueyin.
A dor em cima do diafragma indica frequente desordem do coração e pulmões, a dor na região epigástrica indica desordem do baço e estomago, dor na região lombar ou ao redor do umbigo significa desordem de rim e do canal Chong, a dor por debaixo do umbigo e o ventre, desordem do rim, da bexiga e do intestino grosso ou delgado, a dor na região do hipocôndrio indica desordem do fígado e da vesícula biliar.

chas-para-dormirSOBRE O SONO

A insônia significa dificuldade de ficar com sono, não dormir profundamente, facilidade de despertar e dificuldade para voltar a dormir. A insônia acompanhada de tontura e palpitação do coração indica geralmente falta de xue para nutrir o coração por xu de coração e baço. A insônia acompanhada de uma mente perturbada e sonhos angustiosos (pesadelos) indica hiperatividade do fogo do coração. Dificuldade para dormir devido ao arroto ou depois de comer excessivamente indica desarmonia de qi do estomago e transtorno da mente.
É conhecido com letargo quando ocorre a sonolência incontrolada, se for acompanhada de vertigem indica acumulação de fleuma-umidade no interior. O adormecimento com lassidão geral indica deficiência de yang do coração e rim. O estupor letárgico com manifestações de calor marca o inicio de um estado de coma causado por perturbação da mente devido a um transtorno interno de calor patógeno, o estupor letárgico sem manifestações de calor mas com expectoração abundante no peito, língua com saburra grossa e pegajosa indica obstrução de fleuma-umidade no coração.

menstruac3a7c3a3o-capa-e1491537531892.jpgSOBRE A MENSTRUAÇÃO E A LEUCORREIA

O acupunturista deve perguntar as pacientes sobre sua menstruação e a leucorreia e sobre sua história obstétrica.
A menstruação de ciclo curto em grande quantidade e de cor vermelha escura pertence principalmente à síndrome de calor do tipo shi, uma menstruação de ciclo longo em pouca quantidade e de cor vermelha fraca pertence à síndrome de frio do tipo xu. A dor pré-menstrual e distensão no ventre que piora com a pressão e uma menstruação de cor roxa escura com coágulos indica estagnação de qi e xue. A dor pós-menstrual  no ventre que se alivia com a pressão e a menstruação com pouca quantidade de cor vermelha fraca é causado por xu de xue.
Uma leucorreia aquosa e branca sem odor fétido e acompanhada de dor lombar indica xu de yang do baço e rim e a acumulação de frio endógeno, uma leucorreia pegajosa de cor amarela e odor fétido indica a decida de umidade-calor.
O sangramento uterino irregular depois da menopausa, ou a leucorreia amarela e branca mesclada com pus e sangue é uma possível enfermidade severa da umidade tóxica no útero.

Anúncios

O que achou desse artigo?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s